Se você realmente quer ser feliz, pare de criticar os seus pais!

Data:

Se você realmente quer ser feliz, pare de criticar os seus pais!

O fato é que não existe certo ou errado, o que existem são comportamentos equivocados que nos levam a um estado de sofrimento.

Não é errado criticar os nossos pais, mas é inútil. Pior, quando você critica e julga os seus pais, e cobra deles atitudes que eles não conseguem ter, quem sofre é você.

O excesso de críticas e cobranças não scontribui para nada. Pelo contrário, cria barreiras intransponíveis, que nos levam ao sofrimento crônico.

Quando você critica seus pais, você invalida a sua vida e nem percebe, com isso, acaba repetindo os erros dele, de formas diferentes, mas parecidas, no decorrer da sua vida.

Em vez de criticá-los, você deve sentir compaixão. Conceder a misericórdia.

Muitos pais mudariam se pudessem. E muitos, prefeririam, sinceramente, ser melhores, se pudessem, Mas só não o fizeram,, porque não foram capazes.

Muitos pais se sentem envergonhados, arrependidos e tristes por suas incapacidades parentais – outros, nem sequer possuem consciência dos seus erros, ou, ainda não conseguem admitir.

Não os critique, o seu julgamento não vai fazer com que eles mudem, só vai te levar ao sofrimento. Eles já estão sofrendo, porque provavelmente, já sabem das suas queixas, mesmo que você não diga nada. O seu olhar de desaprovação já sinaliza a sua insatisfação e eles podem sentir.

É cruel demais exigir dos nossos pais, que eles sejam, tudo o que eles não conseguem ser.

Quer viver uma vida miserável? Continue fazendo julgamentos, criticas e exigências severas aos seus pais!

Quer viver uma vida abundante? Aceite as limitações que eles possuem e honre a vida que eles te deram, fazendo o melhor que você pode, com os pais que você tem.

Não estou sugerindo para você “deixar para lá e seguir em frente” ou conceder o “perdão”. Por mais úteis que esses conselhos possam ser, não se perdoa pai e mãe. É sobre agradecer a vida que eles te deram.

Em vez de perdoar o que para você é imperdoável, prefira tecer uma compreenssão mais profunda e completa dos motivos por que seus pais se comportaram como se comportaram, para que você não se prenda a padrões familiares antigos e, com isso, venha a repetir padrões de relacionamento prejudiciais, perpetuando o sofrimento para as suas próximas gerações.

Pare de citicar os seus pais, aceite o que eles não conseguem compreender e se afaste caso eles estejam prejudicando o seu caminho de alguma forma. Criticar não vai mudá-los. Os pais são os culpados que não tem culpa.

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana, terapeuta transpessoal e criador do método Resiliência Sistêmica. Foto de Brayden Prato na Unsplash.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

*Escrito por Iara Fonseca.

Compartilhe

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Mais como este artigo
Relacionado

O Poder do Porquê

Como Empresas e Líderes Inspiradores Superam Expectativas: Se você já...

A conexão entre dor emocional e física

Quando se trata de dor, seja ela emocional ou...

Os Benefícios da Alimentação Orgânica para a Saúde e o Meio Ambiente

Nos últimos anos, a demanda por alimentos orgânicos cresceu...

Os Efeitos do Estresse Crônico na Saúde Física e Maneiras de Mitigá-los

O estresse é uma resposta natural do corpo a...